quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Tipos de Blogueiros Literários #2 - Blogueiro Suborno

Blogueiro Suborno





Promete algo se você fizer algo por ele. É pagamento.
"Se você comentar, pode ganhar marcadores", "Se tiver muitos comentários eu faço sorteio", "se você divulgarem, eu mando marcadores para todo mundo".
Lembra ou não lembra "Te dou R$ 100,00 se você não me multar"? (Não quero implicar que policiais são corruptos, mas apenas que eles existem e isso é uma forma comum de suborno)

Não acho errado dar presentes a pessoas que participam do blog mas... Quantas dessas pessoas comentam APENAS pelo marcador?
E quantos desses blogueiros usam seus altos números de visitas e participação para conseguir mais parcerias, hum? 

31 comentários:

  1. Prevejo barraco por conta desse post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aguardo, com meu gato branco no colo e minha risada maligna pronta :)

      Excluir
  2. Eu não prevejo barraco nenhum. Cada um faz o que quer no seu blog, se a pessoa só vai soltar a promoção com X comentários problema dela, bobo é quem participa se os termos são absurdos. Como aqueles que tem 200 seguidores e anunciam uma promoção que só vai ser liberada com 1000 ¬¬
    Vai de cada um.

    ResponderExcluir
  3. PQP...que implicância!
    Cada blogueiro escolhe suas próprias regras e participa dessas promos quem quer. Para postar essa bobeira deve estar faltando assunto na blogosfera. Aff

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Implicância?
      Na verdade é o seguinte. Se é um blog novo, tentando aumentar sua audiência e recompensar seus leitores é uma coisa.
      Se é um blog "super popular" tentando manter o status quo, para depois usar os números falsamente inflados (cheios de seguidores e leitores que nem vêem o conteúdo, só as promoções) para conseguir mais livros de graça com as editoras.
      Não é a PROMOÇÃO que é o problema. É o fato disso ser usado para conseguir mais seguidores, mais comentários, mais NÚMEROS PÚBLICOS de "popularidade".

      Excluir
    2. Não sei se você reparou, mas a Tia Shame não fica toda hora tentando justifar o post. Você não precisa ficar respondendo cada comentário indignado. Quando vc tenta justificar muito dá uma preguiçaaaaa.

      Excluir
    3. Se for pensar assim, este blog não tem razão de existir porque "cada um faz o que quer". Pode escrever errado, pode fazer spam, pode comprar leitores com brindes. O nome do blog diz "Vergonha Literária" e não "Proibições Literárias". Eu tenho vergonha de quem faz esse tipo de coisa, principalmente porque a pessoa do primeiro tweet tem um blog super legal e não precisa desse tipo de coisa.

      Excluir
    4. AnônimoFeb 16, 2012 10:47 AM
      Ok, justo rs
      Acho que gosto de discussão e me empolgo. Vou ficar de fora.

      Excluir
  4. Implicância não, é o incomoda a galera.

    ResponderExcluir
  5. Se eu for ficar incomodada por toda estupidez que aparece na blogosfera, vou acabar deprimida. rsrs
    Não acho isso um motivo válido para tanta indignação. Os leitores não se incomodam em participar de promoções desse tipo, não sei porque vocês perdem tempo com tanta bobagem.

    ResponderExcluir
  6. Se o mundo fosse ideal não era necessário fazer esse tipo de coisa, quem dera poder resenhar e trazer novidades sem precisar de número de seguidores, número de comentários. Infelizmente os números são importantes sim, estamos falando de marketing e não de solidariedade.
    Muito, como eu, fazem isso pra poderem competir. C´est la vie

    ResponderExcluir
  7. Em geral, não vejo problemas em promoções que premiam os comentaristas. Muitos querem realmente agradecer por quem já comenta no blog, embora saibam que isso pode favorecer os interesseiros.

    Mas MORRO DE VERGONHA ALHEIA toda vez que vejo blogueiro "implorando" por comentários. Seja prometendo um sorteio pra quando atingir a "meta" ou fazendo #mimimi no Twitter. Eu sei que vai de cada um e tem muita gente que não vê problema, mas a vontade de enterrar a cabeça no chão é mais forte do que eu.

    Como blogueira, eu escrevo porque gosto. A quem quiser tirar alguns minutos do seu tempo - que anda escasso pra todo mundo - pra ler e comentar o que eu escrevi, fico é feliz e agradecida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe, Cíntia te entendo bem, mas acho que tenho mais vergonha ainda quando vejo blogueiros que já fizeram muito isso e que agora estão muito bem, tratando os outros com descaso, sendo rudes ou se achando superiores.

      Excluir
  8. Não sei se você reparou, mas a Tia Shame não fica toda hora tentando justifar o post. Você não precisa ficar respondendo cada comentário indignado. Quando vc tenta justificar muito dá uma preguiçaaaaa. (2)

    Concordo com a maioria dos anônimos. O blog é da pessoa, ela faz o que ela quer. Se ela quiser fazer promos pra atrair comentários e assim mais editoras, qual o problema? Uia, que feio, essa mocinha está fazendo isso só pra ganhar livros de graça! =O

    "Não é a PROMOÇÃO que é o problema. É o fato disso ser usado para conseguir mais seguidores, mais comentários, mais NÚMEROS PÚBLICOS de "popularidade".

    E isso te irrita tanto porque...*cric*...?! No mundo da blogosfera, não só literária, que eu saiba promoção é feita para duas coisinhas, ô inteligência. (antes de postar essas implicâncias, estude um pouco de publicidade ou marketing) Promover a marca, e o blog. A pessoa tem que ser bem bobinha pra acreditar que existe qualquer coisa a mais ou a menos nisso. (ou você acha que o Faustão lhe dá um avião de prêmios de modo gratuito, porque eles amam seus telespectadores?)

    Blog muito maçante, tedioso e dá vontade de dormir. Nada comparado ao da Tia Shame, com certeza. Quer mostrar que sabe muito, mas no fim, se torna repetitivo e enjoa fácil (aí vem o "a porta é serventia da casa"). Bom, faço as mesmas palavras quando alguém do Vergonha entrar num blog e se irritar com os erros.

    Mas a maior hipocrisia de todas não é nem esse blog. É blogueiros vir aqui, com parcerias, 200 mil promos, divulgação, blá, blá, e dizer que fica indignado vendo essas coisas e concorda com cada post. É um tal de apontar com o dedo sujo, viu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assino embaixo, falou e disse ;)

      Excluir
    2. Faço minhas as suas palavras

      Excluir
  9. Não entendem vocês que as editoras estão ganhando em cima de vocês e vocês aí brigando? Todo mundo agora quer ter parceria, pq 'aparentemente' blog só leva status as tiver. Aí vocês têm que apelar pra marketing? Peraí, esse trabalho não é de vocês. Tão entrando de gaiatos.
    Mas tudo bem, um suborno aqui e acolá leve até vai, mas olha o que tem tido de exagerados não é brincadeira não.

    ResponderExcluir
  10. Lendo os comentários, acho que as pessoas se focaram mais nas regras do que no "suborno" em si.

    Sinceramente, não importa se a pessoa tem um blog "fulera" ou o melhor blog do mundo. Seria injusto se só fosse aparecer aqui os "pobres e oprimidos". Blogueiro grande também erra.

    Mas, enfim, sobre sortear marcadores para comentaristas eu não vejo problema, tem gente que sempre comenta e merece mesmo ganhar, vão aparecer os interesseiros mas não se pode fazer nada contra isso.
    Agora, a "ameaça" do tweet foi demais! Isso eu achei completamente vergonhoso. Tipo "Se vocês não comentarem, nada de promoção". Muito feio. Já vi casos do blogueiro falar "Eu nem deveria lançar essa promoção já que vocês não estão merecendo, pela falta de comentários". #ShameOnYou

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esqueci de falar: Se o blogueiro já tem em mente que lançará a promoção só quando um post atingir x comentários, deveria guardar para si. Sem fazer a alarde. Aí só iriam comentar os leitores de verdade. Os que comentaram ainda se sentiriam felizes e gratos com a surpresa.

      Excluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Quando vi várias blogueiras falando mal do blog mais cedo, resolvi dar uma passada aqui, e confesso que a princípio achei que era coisa de gente que não tinha o que fazer, mas comecei a ver vários posts, e cheguei à conclusão de que sim, você tem razão. Eu tenho um blog que é bastante pequeno, em relação a tantos outros, e também reconheço que eu não sou uma boa resenhista, comparado com outros blogueiros minhas resenhas são totalmente sucks, mas também não sou a pior do mundo. Sempre tomo cuidado para não errar, e também para fazer resenhas que tenham um breve resumo do livro (mas sem spoilers) e a minha opinião. (Esse foi um comentário direcionado ao post Resenha vs. Opinião)

    Quanto ao post em questão, eu não me considero uma blogueira nem velha nem nova, já que apesar de ter o blog desde julho do ano passado, comecei a postar com mais frequência nas últimas semanas. Meu blog tem 56 seguidores e uma média de 6 comentários por postagem, é pouco? Se for comparar com tantos outros blogs que tem o mesmo intuito que o meu, é pouquíssimo, e é claro que eu queria ter muito mais seguidores e comentaristas, mas sempre penso: "De que vai adiantar ter 1000 seguidores se provavelmente só 100 (ou menos) desses 1000 vão realmente visitar o blog, e desses 100 provavelmente apenas uns 20 ou 30 vão comentar nas postagens, e pior só 10 deles realmente terão lido o post antes de comentar." Então prefiro continuar com os meus 6 comentaristas regulares, que eu sei que realmente leram o post, e que dizem sem medo nenhum se concordam com a minha opinião ou não. E se eu dissesse que não faço spam estaria mentindo, porque eu realmente vou ao twitter e aviso aos meus comentaristas regulares que tem post novo, só não acho necessário ficar mencionando cada um dos meus seguidores avisando, quando já sei que somente seis se importam. Principalmente porque o meu intuito não é conseguir milhares de editoras parceiras, gostaria muito de fazer algumas parcerias é claro, qual é o leitor que não quer ganhar livros? Mas como disse esse nunca foi meu real interesse, meu interesse sempre foi conhecer pessoas que gostam tanto de ler quanto eu, e escrever para essas mesmas pessoas as minhas opiniões, sobre determinados livros. Também pretendo fazer promoções no meu blog, e como alguém disse aí em cima, é claro que a minha intenção é conseguir mais seguidores e comentaristas, ou seja, é promover o blog. E inclusive já pensei em uma daquelas "quando o blog atingir x seguidores", mas vi que não vale a pena, conheço vários blogueiros que nunca fizeram esse tipo de sorteio e possuem muito mais seguidores e comentaristas fiéis do que outros que fizeram/fazem, o blog vai crescer se realmente for de qualidade, e com alguma divulgação claro, mas sem exageros.

    Outra coisa que sempre me irrita são blogueiros famosos, ignorando os menos conhecidos simplesmente porque seus devidos blogs tem mais seguidores e comentaristas que os outros, francamente é ridículo, um dia os blogs deles também não possuía mais que 10 seguidores, e o fato de hoje ter 10000 (ou mais) não o torna melhor que ninguém. Ou ainda pior quando blogueiros menos conhecidos ficam implorando para os 'famosos' um pouco de atenção, chega a dar dó.

    ResponderExcluir
  13. Pior é a blogueira FAIL que não conseguiu manter boas parcerias, tem um blog de merda, ficar recalcadinha, criar um blog pra criticar coisas que ela já fez, mas não teve sucesso!

    Que vergonha! rsrsr

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não entendo porque as pessoas SEMPRE acham que quem critica tem inveja do criticado. Crítica é algo tão natural... Blogueiros literários não fazem isso com livros o tempo todo? :-/

      Excluir
  14. Tenho um blog literário e li a respeito deste aqui por um outro blogueiro no Twitter, sem saber exatamente o que esperar do conteúdo. Mas enquanto passava os olhos por cada postagem, sinceramente falando, ri pra caramba, porque tem cada absurdo que vemos alguns blogueiros fazendo... E eu, por mais que tente ser honesta nos comentários, não me sinto à vontade para criticar em certos casos.

    Também não deixa de ser, entretanto, um desrespeito a cada um desses blogueiros que utiliza de suas próprias "armas", por assim dizer, para conseguir alcançar aquilo que quer como um blog literário. Não é surpresa para ninguém que haja tanta gente criando sua página para obter livros gratuitos de editoras, com resenhas horrorosas, mas sucessos estrondosos em promoções cheias de spam.

    Já julguei muito os vários perfis de blogueiros por ficar exausta de tanta divulgação, de tanto marketing e exaltação própria por parte dos maiores. Contudo, no final das contas, creio que sejam apenas meios diferentes de conseguir o que todos, de uma forma ou de outra, queremos: leitores fiéis, prestígio e um compartilhamento do mundo literário.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você. Existem muitas pessoas que provavelmente só leram um ou dois livros na vida e criam um blog só para ganhar livros de cortesia. Alguns esquecem que é preciso inovação e dedicação!

      Excluir
  15. Concordo com a Cintia. Não tenho nada contra certas promoções, mas tem gente que enche. Eu tenho blog e não fico o tempo todo pedindo comentários.
    Faço promoções e quero seguidores, mas viver pedindo comentário é demais para mim.

    ResponderExcluir
  16.  Mas também precisa de divulgação; no meu blog (veja: http://braunne.blogspot.com.br) inovei algumas vezes. Primeiro, os textos argumentativos sobre a blogosfera literaria; algumas aleatoriedades, conversas descomprometidas, uma nova coluna tipo marcelo tas. A parte das criticas a blogosfera, já me copiaram essa ideia uns quatro blogs. Um não admite de onde veio a fonte de inspiração. Mas mesmo assim, os textos que este blogger faz na sua pagina obtem mais sucesso/repercussão. Acho que divulgação é necessário, mas não apelando.

    ResponderExcluir
  17. "Como blogueira, eu escrevo porque gosto. A quem quiser tirar alguns
    minutos do seu tempo - que anda escasso pra todo mundo - pra ler e
    comentar o que eu escrevi, fico é feliz e agradecida."  deveria ser a frase de bolso pros que fazem spam; é sincero e prático.

    ResponderExcluir
  18.  Verdade. Tem blogs aí que são os elefantes, esnobando os que estão começando agora. E de quebra ainda criticam a busca por seguidores em spams e sorteios, que antes eles mesmo faziam.

    ResponderExcluir